domingo, 27 de julho de 2008

Corrupção cresce

O ex-deputado socialista e ex-ministro João Cravinho, em entrevista à Rádio Renascença, considera que a corrupção está a aumentar e não tem esperança que as medidas tomadas pelo Governo nesta área resolvam o problema.

Cravinho, que esteve na origem do pacote de medidas anti-corrupção apresentado na AR, que foi rejeitado pelo PS, afirma que a grande corrupção, “de Estado e política”, tem vindo a aumentar, “independentemente dos partidos”.

João Cravinho não acredita na independência do Conselho de Prevenção da Corrupção (CPC), aprovado o mês passado pelo PS, por ter uma composição de pendor governamental e alguns dos seus membros (inspectores-gerais das Finanças, Obras Públicas e Administração Local) serem responsáveis por inspecções que também deveriam ser alvo de fiscalização por parte do CPC. Assim, alguns membros "vão ser juízes em causa própria".

Rangel, líder da bancada do PSD afirmou que "é preciso continuar a aprofundar os instrumentos de combate e prevenção da corrupção e as medidas até agora tomadas não são para nós satisfatórias. Neste sentido as declarações de João Cravinho são oportunas", e acrescentou que "o PSD também não pode estar sempre a fazer propostas que são sistematicamente rejeitadas pela maioria do PS", como o foram as de Cravinho.

Pelo seu lado, o líder parlamentar do PS, Alberto Martins, assegurou em declarações à Agência Lusa que a sua bancada "não recebe lições de combate à corrupção do engenheiro João Cravinho" e promete continuar esse "combate sem tibiezas e sem desautorizar o esforço que está a ser feito". É a habitual arrogância e o discurso hiperbólico do PS, que seria desejável que correspondesse a factos visíveis, o que não tem acontecido.

Artigos sobre o tema:

Grande corrupção “está em crescendo”
Corrupção. PS responde e contra-ataca Cravinho
Corrupção. Rangel diz que as críticas de Cravinho dão razão ao PSD

7 comentários:

AP disse...

Continuamos a aproximar-nos perigosamente do nível de um país do 3º mundo. E o mais grave é a irresponsabilidade dos sucessivos governos ao negarem aquilo que toda a gente vê e sabe. O maior ignorante é aquele que não quer saber!
O Conselho de Prevenção da Corrupção é uma falácia pois é formado por políticos e destes quantos terão as mãos limpas?!
Houvesse coragem para contratar 2 ou 3 empresas privadas de auditoria, e de preferência estrangeiras, mas assim os resultados seriam por demais vergonhosos. Ou não!?
Veja-se o recente exemplo da Ponte Europa em Coimbra: um desvio de 300%!!! O grave desta noticia não é o desvio em si, mas o facto do relatório de contas não esclarecer onde foram gastos os valores a mais e quem os suportou. Pagamos impostos mas não sabemos os seus destinos. Isto é a nossa pseudo-democracia no seu melhor! Como diz o outro: Porreiro pá!

A. João Soares disse...

AP,
Uma boa observação. Abrange vários aspectos este cancro nacional. Quantos ex-políticos estão entachados nas empresas que absorveram tanto dinheiro da ponte de Coimbra? Se ninguém souber ou quiser dizer para onde foi cada cêntimo desses gastos, meta-se na prisão o responsável pela contabilidade.
E a propósito das «boas intenções» de João Cravinho, convinha investigar o que o levou a convidar o General Garcia dos Santos para a Junta Autónoma das Estradas e qual foi o motivo da zanga entre eles.
Qual o motivo de os políticos, em geral, não quererem combater a sério a Corrupção? Não querem matar a galinha dos ovos de ouro.
Abraço
João

a casa da mariquinhas disse...

Meu caro João
É sempre a mesma coisa, a respeito de TUDO!
Uns "pretendem dar lições", outros "não recebem lições", e, no meio deste diz-que-diz-que, a corrupção continua, impávida e serena,a engordar!
O que verificamos é que, apesar de tanta fusilaria a atacá-la, a corrupção contunua a sobreviver, cada vez mais fortalecida.
Porque será???
Haverá, realmente, verdadeiro interesse em exterminá-la?
E os que enchem as burras à sua custa como iam ficar?
Trata-se duma doença crónica e incurável, e quem se lixa é sempre o mexilhão...
Beijinhos
Mariazita
PS - No meu blog há recadinhos para si: nos posts "Mais uma estrela..." e "Falar só por falar...", da Maqira e Vanuza.
Se quiser e puder vá lê-los. Se preferir posso copiar e mandar por email. Mais logo passo por cá a ver a resposta.

luis disse...

O PS já veio a "lume" dizendo que não acolhe recados do Dr João Cravinho. Realmente o que o PS quer é que não se mexam nestes assuntos por temerem que os resultados destas intervenções ponham a descoberto casos de corrupção no seio do Governo e do próprio PS. É uma vergonha não aceitarem propostas de pessoas sérias algumas até do próprio partido. Realmente a "corrupção cresce" a olhos vistos e não há quem queira pôr-lhe cobro!!!!

A. João Soares disse...

Cara Mariazita,
Já fui a sua casa deixar comentários de simpatia às nossas amigas. A blogosfera consegue fazer o milagre de unir pessoas que não se conhecem pessoalmente e vivem muito longe geograficamente.
Quanto ao tema deste post está tudo já muito dito, fiz uma lista de 23 posts aqui publicados e que enviei por e-mail aos meus contactos. Se arranjar coragem e tempo para preparar os links talvez os traga para aqui.
A conclusão mais rápida é que não interessa aos políticos matar a galinha dos ovos de ouro e a nomeação de um CPC feito de políticos, nada resolve. Seria preferível contratar um especialista estrangeiro já com competência posta à prova, à semelhança do que fez Lech Walesa, como consta no post de 14 do corrente, «Uma lição do Solidariedade»
Beijos
João

A. João Soares disse...

Meu caro Luís,
Mas onde queres que estejam os corruptos, senão, por definição, nos órgãos do Poder ou com capacidade para influenciar o Poder? É o chamado tráfico de influências que origina o enriquecimento ilegítimo a que Cravinho se referia no início desta polémica.
Já aqui publiquei muita literatura sobre o tema, como referi no comentário anterior e como já sabes.
Um abraço
João

A. João Soares disse...

Conforme prometi no comentário de resposta a Mariazita, coloco aqui a lista que referi:

Corrupção cresce
No Auge da Corrupção
Crimes de colarinho branco sem imunidade
Nova ponte sobre o Tejo sem concurso público?
Os políticos confessaram?
A corrupção por cá
Ecos das palavras de Marinho Pinto
Um raio de esperança?
A corrupção e a deontologia dos jornalistas
Corrupção. Porém, ela existe!
Corrupção. PR voltou ao assunto
Corrupção em vários níveis
Corrupção de novo adiada
Antigo professor foi acusado de corrupção
Suspeições intoleráveis
É difícil o combate à corrupção
Os políticos precisam de precaução
Histórias do poder autárquico
Combate à corrupção?
Corrupção. a ponta do iceberg?
Sócrates, Mendes e a corrupção
O Poder não repudia a corrupção
Corrupção. Falta de vontade política

Cumprimentos a todos os visitantes a quem, com isto, procuro facilitar a consulta dos posts sobre este tema
A. João Soares