quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Alertar é um dever

O mundo é um lugar perigoso para se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer.

Albert Einstein

NOTA: Como diz o post «Denúncias são necessárias!!!», é dever alertar para o que está mal, é dever tornar o mundo mais habitável com segurança, tranquilidade, moralidade, com confiança, com amizade, enfim, com PAZ.

2 comentários:

Luis disse...

Caro João,
De regresso à cidade eis-me de novo a seguir as tuas escolhas: Assim sendo concordo que pior que os "maus" são os comodistas, os oportunistas e os "arranjistas" que nada fazem para acabar com eles. São esses os verdadeiros causadores das desgraças em que vivemos.

A. João Soares disse...

Caro Luís,
Melhorar o mundo é tarefa de cada um, com o seu sentido de cidadania, o seu civismo e humanismo. Com a pequena gota de água de cada um se enche o oceano e este tem de ter ondas e marés, porque sem movimento, sem mudança, a água parada transforma-se em pântano malcheiroso, pútrido, infecto. Não é nessas águas que queremos ver os nossos filhos e netos beber ou tomar banho.
Como diz a frase do post, O mundo é um lugar perigoso para se viver (...) por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer .
Cada um escolhe a sua posição, mas depois não deve atribuir as culpas ao destino ou aos outros. Mas deve ter consciência de que está a ser parasita da humanidade, esperando que sejam os outros a proceder correcta e positivamente.
Se não denunciamos os erros, as imoralidades, somos cúmplices com quem as pratica e a cumplicidade não honra ninguém. Todos devemos fazer um pouco, a nossa quota-parte, para que o mundo seja melhor. Isso é civismo, é cidadania.

Um abraço
João Soares